agostonegro-rifferama

Festival Agosto Negro mostra a força do metal catarinense

Apesar de todas as dificuldades, o metal resiste em Santa Catarina. Prova disso é a quantidade de bons festivais que são organizados pelo estado durante todo o ano. O Agosto Negro é mais um exemplo da determinação de quem luta para manter o underground vivo. Neste sábado e domingo (18 e 19), o Clube de Campo de Laguna recebe 20 bandas de diversos estilos, catarinenses e de outras regiões (PR, RS, SP e MA), para a oitava edição do evento. O ingresso está no segundo lote, a R$ 65.

As atrações escolhidas pela Agosto Negro Produções, que também realiza o Laguna Metal Fest, deve agradar a todos os públicos. Tem thrash (Rhestus, Skombrus e Alkanza), death (Horror Chamber e Tanatron), heavy tradicional (Axecuter), progressivo (Molitium e Montauk Project), hardcore, stoner, rock and roll  e, para quem gosta de Iron Maiden, a Children of the Beast, cover oficial na América Latina reconhecida pela própria banda, encerra o festival.

Cronograma

18 de agosto (sábado)
13h15 – Attitude Hardcore
14h – Montauk Project
15h – Redneck
16h – Skombrus
17h – The Undead Manz
18h – NVV
19h – Red Wine
20h – Alkanza
21h – Axecuter (PR)
22h – Rhestus
23h15 – Molitium
0h15 – Sky Route (Especial The Doors)

19 de agosto (domingo)

10h – Chicospell
10h45 – Antítese
11h45 – Projeto Nós
12h30 – Muddy Boots
13h30 – Tanatron (MA)
14h30 – Horror Chamber (RS)
15h30 – Texas Funeral
16h30 – Children of the Beast

Nasci em Blumenau, mas fui criado em Biguaçu, cidade em que vivi até os 28 anos: hoje moro em São José. Sou jornalista, me formei na Estácio de Sá e trabalhei no jornal Notícias do Dia, a minha casa entre 2009 e 2016, entre indas e vindas. Escrevia sobre esportes no impresso, mas sou apaixonado por música, a melhor invenção do homem.

DEIXE UM COMENTÁRIO.

Your email address will not be published. Required fields are marked *