magnoliafestival-rifferama

Magnólia Festival une passado e futuro do rock de Chapecó

Desde 2017, a Ventura Sounds vem cumprindo um papel importantíssimo para a cena musical do Oeste do estado: colocar a região na rota dos shows nacionais. Nesta sexta-feira (12), com patrocínio da Unochapecó (Universidade Comunitária da Região de Chapecó) e outros apoiadores, a produtora apresenta no Complexo Amazon a quinta edição do Magnólia Festival, um dos maiores eventos já realizados em Santa Catarina, sem dúvida. Os ingressos estão no segundo lote, a R$ 80 (meia entrada) ou R$ 120 (camarote lateral), e podem ser adquiridos via Sympla.

Depois de trazer Boogarins (GO), Carne Doce (GO), Colleen Green (EUA), Francisco, El Hombre (SP), Heavy Baile (RJ), Selvagens à Procura de Lei (CE), entre outros, a produtora mirou lá em cima e fechou um cast sensacional. A atração principal vem dos Estados Unidos: a Cloud Nothings, que lançou um dos melhores álbuns da sua extensa discografia no ano passado“Last Building Burning”. O quarteto de Cleveland (Ohio) faz uma mistura interessante de indie rock com post-hardcore.

O Magnólia Festival também faz uma ponte entre o passado e o futuro do rock de Chapecó, escalando a lendária Repolho e as novatas Disaster Cities e Frankenchrist. A John Filme, outro grupo importante da cidade, será representada por Akira Fukai, que toca na banda dos irmãos Panarotto. E ainda tem a clássica Defalla (RS), Terno Rei (SP) e Dingo Bells (RS), duas ótimas novidades do cenário independente brasileiro e ambas com novos – e ótimos – trabalhos lançados recentemente.

Programação 

20h15 – Frankenchrist

21h – Banda Repolho

22h10 – Terno Rei

23h10 – Dingo Bells

0h30 – Cloud Nothings

2h10 – Defalla

03h20 – Disaster Cities

Nasci em Blumenau, mas fui criado em Biguaçu, cidade em que vivi até os 28 anos: hoje moro em São José. Sou jornalista, me formei na Estácio de Sá e trabalhei no jornal Notícias do Dia, a minha casa entre 2009 e 2016, entre indas e vindas. Escrevia sobre esportes no impresso, mas sou apaixonado por música, a melhor invenção do homem.

DEIXE UM COMENTÁRIO.

Your email address will not be published. Required fields are marked *