pontonulonoceu-rifferama

Ponto Nulo do Céu é atração no palco Supernova do Rock In Rio

Santa Catarina terá três representantes em um dos maiores festivais de música do planeta. O Rock In Rio, em parceria com a Sony Music Brasil, anunciou nesta quarta-feira (4) as atrações do palco Supernova, dedicado a bandas e artistas nacionais. A Ponto Nulo no Céu está escalada para o dia 28 de setembro, ao lado de Vivendo do Ócio, Maglore, Dona Cislene e Bullet Bane. Quem também se apresenta no RIR 2019, no dia 29 de setembro, é a cantora Jade Baraldo, de Brusque, e o Noturnall, grupo do baixista catarinense Saulo Castilho. Além do rock e metal, o Supernova terá nomes do rap, pop e da MPB.

Em contato com o Rifferama, o vocalista da Ponto Nulo no Céu, Dijjy Rodriguez, falou sobre a oportunidade de se apresentar no Rock In Rio 2019.

É muito foda, tenho sentido uma gratificação, saca, é uma parada que a gente vai levando paralelamente, são 12 anos nesse projeto que não me dá grana, mas me dá satisfação pessoal. Em momentos como esse me vêm várias coisas à cabeça, todo esse esforço, essa história, tudo desemboca no aqui e agora. É aproveitar esse momento de reconhecimento, que pode servir como um empurrão para a gente voltar à ativa. Querendo ou não, (tocar no RIR) consolida nome, marca um registro na história da banda e das nossas vidas, é o maior festival de música do Brasil, um dos maiores do mundo, e é uma representação muito importante de tudo que a Ponto Nulo representa para um monte de gente. Quero ir lá e entregar tudo o que tenho de melhor.

27 de setembro
Oriente, Cacife Clandestino, Haikaiss, Orgânico e A Banca 021

28 de setembro
Vivendo do Ócio, Maglore, Ponto Nulo no Céu, Dona Cislene e Bullet Bane

29 de setembro
Gabriel Elias, 3030, Lali, Dvicio e Jade Baraldo

3 de outubro
Bula, Braza, Big Up, Menores Atos e Lupa

4 de outubro
Armored Dawn, Noturnall, Jimmy & Rats, Eminence e Fire Strike

5 de outubro
Mariana Nolasco, Ana Gabriela, Maria, Tássia Reis e Dani Vellocet

6 de outubro
Lagum, Selvagens à Procura de Lei, Zimbra, André Prando e Folks

Nasci em Blumenau, mas fui criado em Biguaçu, cidade em que vivi até os 28 anos: hoje moro em São José. Sou jornalista, me formei na Estácio de Sá e trabalhei no jornal Notícias do Dia, a minha casa entre 2009 e 2016, entre indas e vindas. Escrevia sobre esportes no impresso, mas sou apaixonado por música, a melhor invenção do homem.

DEIXE UM COMENTÁRIO.

Your email address will not be published. Required fields are marked *