timripper-rifferama

Tim Owens homenageia Ronnie James Dio em show no John Bull

Em junho de 2013, o vocalista Tim “Ripper” Owens fez um show histórico na Célula ao lado da banda Dio Disciples, que reunia ex-integrantes da banda do lendário Ronnie James Dio (1942-2010). Nesta quinta-feira (19), o norte-americano retorna a Florianópolis para homenagear mais uma vez o baixinho com a turnê “Stand Up and Shout”. Além de Santa Catarina, Ripper se apresenta em Limeira (SP), São Paulo e Brasília (DF). Os ingressos para o tributo, que terá abertura da Syn TZ, estão à venda no Blueticket por R$ 56 e R$ 168 (área VIP).

Ripper começou no Winter Bane, banda em que conseguiu chamar a atenção do Judas Priest, que o contratou para substituir Rob Halford entre 1997 e 2003: foram dois álbuns de estúdio e dois ao vivo – essa passagem inspirou o roteiro do filme “Rock Star”. A voz potente do vocalista consta nos créditos de discos de grandes grupos e artistas, como Iced Earth, Yngwie Malmsteen e Tourniquet. Além da homenagem a Ronnie James Dio, Ripper deve cantar clássicos do Priest e de outros projetos.

A Syn TZ, de Balneário Camboriú, é formada por dois nomes conhecidos do metal catarinense: o guitarrista Marco Aurélio Girardi (ex-Syndrome) e o vocalista Giuliano Schmidt (ex-Still Life). Completam o time o baixista Edu Beeck e o baterista João Vormehlen Junior. A banda, que está na estrada desde 2012, tem um EP e um álbum gravados, ambos no estúdio The Magic Place. “Heavy Load”, que conta com 11 músicas, saiu em 2015.

Foto: iROCK

Nasci em Blumenau, mas fui criado em Biguaçu, cidade em que vivi até os 28 anos: hoje moro em São José. Sou jornalista, me formei na Estácio de Sá e trabalhei no jornal Notícias do Dia, a minha casa entre 2009 e 2016, entre indas e vindas. Escrevia sobre esportes no impresso, mas sou apaixonado por música, a melhor invenção do homem.

DEIXE UM COMENTÁRIO.

Your email address will not be published. Required fields are marked *