laleuca-rifferama

Nasce um “Dente de Leite”: conheça o dream pop da La Leuca*

*por Luíza Mazzola

A banda feminina catarinense La Leuca, que nasceu no segundo semestre de 2017, é composta pelas irmãs Helena e Mariana Bonanomi, (letras, guitarras e vozes), Carolina Werutsky (bateria) e Dora Hoff (baixo), e nome frequente em alguns festivais de música de Santa Catarina. No (ainda) curto percurso desde sua formação, o quarteto não parou: fez shows com bandas como Muñoz (MG), Cobalt Blue (SC), Winter (EUA), Summer Twins (EUA), Cora (PR) e BIKE (SP), abriu o show da Carne Doce (GO) em Blumenau, em março deste ano, e acaba de lançar seu primeiro EP, “Dente de Leite”. O primeiro trabalho consolidado da banda foi lançado pela Deckdisc, com produção, mixagem e masterização do produtor Júlio Miotto, e já está disponível em diversas plataformas de streaming.

Composto por cinco faixas que dialogam musicalmente entre si, o EP teve como primeiro single a faixa “Saliva Salina”, que ganhou um lindo clipe produzido por João Ricardo Cararo Lazaro. O vídeo é um etéreo compilado de cenas das integrantes da banda em prosaicos momentos de descontração e divertimento, alternadas com cenas de shows e apresentadas em uma estética visual lo-fi.

O título do EP, “Dente de Leite”, remete, de certa forma, aos interesses líricos das faixas: a nostalgia e o subjetivismo que se interpenetram e, entrelaçados com a psicodelia, produzem sons e versos com toques de pop, rock psicodélico, MPB e qualquer coisa de sonho. Instrumentalmente, o dream pop da La Leuca traz melodias carregadas de textura que criam uma atmosfera neo-psicodélica, convidando o ouvinte a uma imersão musical, com destaque para a sinestésica “Ninfa” fechando o EP, própria para se balançar suavemente de olhos fechados. Dentre as influências nacionais citadas pelas integrantes estão Carne Doce, Boogarins e John Filme, e atualmente, a La Leuca concluiu uma importante etapa de sua primeira turnê de divulgação, passando por Brasília, Goiânia, Uberlândia, São Carlos, São Paulo e Rio de Janeiro, entre outras. Em agosto, fará shows em algumas cidades do RS e também em Santa Catarina.

A estética sonora de “Dente de Leite” flerta com a fantasia, a divagação, a psicodelia e a imaginação. É difícil não sentir orgulho do “primeiro dentinho” da banda, que com sua obra de estreia traz melodia que se ouve, que se vê, que se sente. Tal qual um dente de leite, o EP abre espaço para os caninos da La Leuca que certamente estão por nascer.

Foto: Amanda Goes

*Luíza Mazzola é professora de francês, tradutora, revisora, doutoranda em Literatura na UFSC, mas antes de mais nada, amante da música

Nasci em Blumenau, mas fui criado em Biguaçu, cidade em que vivi até os 28 anos: hoje moro em São José. Sou jornalista, me formei na Estácio de Sá e trabalhei no jornal Notícias do Dia, a minha casa entre 2009 e 2016, entre indas e vindas. Escrevia sobre esportes no impresso, mas sou apaixonado por música, a melhor invenção do homem.

DEIXE UM COMENTÁRIO.

Your email address will not be published. Required fields are marked *